“Como Administrar Uma Empresa?

Bem, administrar uma empresa não é tarefa fácil. Para isso é preciso dominar técnicas de administração ou ao menos ter um bom conhecimento e se cercar de profissionais extremamente capacitados dentro de suas respectivas funções. Não basta montar uma empresa e deixar que ela flua sozinha, sem ser administrada.

É o administrador o responsável direto pelo sucesso do negócio. Afinal, parte dele envolve o planejamento da empresa, aprovação das estratégias de marketing e da contratação de pessoal, análise de desenvolvimento mensal e decisões firmes que podem mudar o rumo de situações negativas. Por isso, quanto mais ele souber sobre sua função, mais chance terá de sobressair no mercado.

Uma empresa, para conquistar seu lugar no mercado, precisa fazer avaliações periódicas para identificar possíveis falhas no processo. Isso só é possível quando há relatórios e um acompanhamento muito próximo do andamento de tudo.

O administrador determina os valores, missão e visão da empresa. Planeja suas ações, organiza as atividades, direciona os processos. Conhece bem as equipes e sabe delegar aos seus subordinados, para que as tarefas sejam cumpridas.

Como Desenvolver um Administrador

Para algumas pessoas, administrar um grupo pequeno com cerca de dez pessoas é fazer o máximo de tarefas sozinho e distribuir funções aos seus funcionários, observando bem de perto seus afazeres para criticar. E não é nada disso. O administrador ideal organiza sua empresa de tal forma, que pode delegar funções aos seus profissionais, para que ela funcione mesmo sem sua presença.

Uma boa fonte de avaliação de uma administração de sucesso é uma franquia. Mesmo quando pequena, faz parte do pacote uma gestão de negócios com todos os detalhes e que devem ser seguidos corretamente para que funcione como as outras empresas.

Logo, para funcionar plenamente, uma empresa precisa ter um plano de gestão e uma administração organizada, para que possa conquistar seu espaço no mercado, com o sucesso almejado. Alguns métodos podem ajudar a desenvolver conceitos que transformam um cidadão comum num futuro administrador:

  1. É preciso despertar o lado gerenciador que há naquele que pretende administrar uma empresa, para que ele possa exercitar seu olhar diferenciado sobre cada detalhe;
  2. Antes de adquirir uma empresa, é preciso perguntar os motivos para a escolha desse tipo de negócio. A missão da empresa tem muito a ver com o objetivo de vida do empreendedor;
  3. Logo no começo, a empresa precisa saber para que ela se destina, que tipo de público deseja conquistar, seus propósitos estratégicos que permitem analisar as oportunidades e recursos futuros. Sem planejamento e propósito, ela não tem meta e nem foco para alçar novos voos a médio prazo;
  4. Felizmente, os novos empreendedores de hoje já começam sua empresa adotando um sistema de gestão. Isso é ótimo até mesmo para suprir uma falta de experiência administrativa, já que nesses softwares há todos os procedimentos necessários para organizar uma empresa, desde estoque, comercial ao financeiro;
  5. Comece já cuidando de sua comunicação interna, para evitar falhas de comunicação. Muitos problemas ocorridos numa empresa são gerados por dificuldade ou ausência de comunicação. Por isso, começar já com um plano para evitar esse tipo de situação é uma ótima iniciativa, que vai acostumar todos os funcionários desde o início, aos rituais de comunicação;
  6. O plano de marketing também é essencial para o pontapé inicial da empresa. O administrador precisa definir ao menos o esboço de uma estratégia, para que um profissional de marketing possa desenvolvê-lo. Essa definição básica permite elaborar ações iniciais para a captação de clientes, para que sejam ampliadas com outras ações em conjunto;
  7. A primeira venda da empresa é para seus futuros funcionários. Quando eles são contratados, precisam conhecer a definição do local que estão começando, seus compromissos e objetivos, para se adequarem a essa realidade.

Como Administrar uma Empresa em Crescimento

O crescimento de uma empresa não é obra do acaso e sim baseado em trabalho e estratégia. A eficiência de uma administração se mostra em cada detalhe diariamente. O processo de crescimento é também de mudança, não só do negócio, mas também do empreendedor, que acaba servindo de exemplo para seus funcionários pela sua dedicação e empenho para que tudo dê certo.

Até que a empresa comece a dar lucro e tudo esteja funcionando plenamente, é necessário fazer sacrifícios e se dedicar integralmente até que isso aconteça.

Logo no início a empresa já se define como aquela que deseja se manter no mercado ou a que quer crescer e expandir. Para ter a segunda opção é preciso ajustar os processos administrativos, as equipes, o fluxo de caixa e os preços de venda, de acordo com a realidade do mercado, dos clientes e da empresa. O foco e ter um bom faturamento, cada vez mais clientes e ir abocanhando cada vez uma fatia maior entre a concorrência.

Administrando a Empresa na Prática

É de responsabilidade da administração, o controle das seguintes funções:

– Controle de Estoque: O estoque é muito importante para uma empresa, principalmente quando há comércio de mercadorias. Ele deve ser controlado com rigor, desde seu pedido ao fornecedor, sua entrada e cadastro na empresa até sua saída, com a emissão da nota fiscal. Com uma organização detalhada, a empresa evita perdas e roubos e pode ter exata noção do que tem, do que precisa e quando há material obsoleto.

– Gestão Financeira: Controla o caixa, entradas e saídas, investimentos, custos, despesas, contas a pagar e receber, impostos e tudo que possa movimentar o dinheiro da empresa, direta ou indiretamente. Em geral, é realizado com software de gestão, que permite um controle máximo de tudo.

– Recursos Humanos: Mesmo que a gestão de recursos humanos esteja direcionada para outros funcionários, o administrador precisa estar ciente de todo o processo, para que possa montar sua equipe de acordo com o projeto da empresa. Desde a criação da vaga, a definição do perfil desejado e seu processo seletivo, a contratação de um funcionário é crucial para o bom andamento da empresa. A escolha de profissionais qualificados e eficientes, que possuam controle emocional para ter uma boa relação interpessoal e comprem a ideia da empresa, faz a diferença entre o sucesso e o fracasso.

– Marketing: O administrador precisa ajustar com seu departamento de marketing, o tipo de público que deseja atrair para sua empresa e, principalmente, a imagem que julga ideal para a marca. O marketing certo traz sucesso e lucro, já o errado pode destruir a boa reputação de um negócio.

– Vendas: Não basta quantidade e sim qualidade nas vendas. Isso significa que vender para ter uma boa margem no final do mês, mas da maneira errada e causar uma rejeição, pode causar prejuízo à frente. O administrador traça com o gestor da área, uma abordagem mais segura e envolvente, que facilita o pós venda.

Fonte:http://blog.egestor.com.br/como-administrar-uma-empresa/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: